domingo, 23 de outubro de 2016

Suplico-vos: Amem e deixem-se amar!

Arrepio-me com o mundo... Entristeço-me...

Caem-me lágrimas de sangue ao ver onde chegamos. Quero dizer, onde não chegamos.

Entristece-me saber que não existe amor ao próximo. Entristece-me saber que não existe apreço pela vida humana. Entristece-me saber que não... Existe um ambiente de desconfiança, medo... Fazemos uma boa acção e somos olhados de soslaio. Batemos a uma porta e abrem com duas pedras na mão ou fingem nem ouvir... Quero acreditar que a humanidade ainda tem salvação. Preciso de acreditar que o amor pode retirar esta névoa escura que nos envolve. Amem... Permitam-se amar. Olhem à vossa volta. Observem o mundo que vos rodeia. Mudem a vossa forma de pensar. Pensem mais nos outros. Tirem tempo para os outros. Suplico-vos. Imploro-vos. Amem e deixem-se amar.

______________

Adelaide Miranda, 23/10/2016


Foto retirada da internet


Sem comentários:

Publicar um comentário