segunda-feira, 21 de maio de 2018

A vida é só uma e nenhum dia se repete. Sejam felizes

Na corrida do dia-a-dia, esquecemos de viver. É incrível como não paramos para a apreciar a natureza que nos rodeia, as pessoas que nos rodeiam...
Temos uma lista de tarefas para cumprir e passamos o dia em modo robot a percorrer a lista como se não houvesse amanhã. Terminamos estafados com mais de metade das tarefas por fazer e acrescentamos à lista do dia seguinte. E a lista aumenta, as tarefas multiplicam-se exponencialmente, e nunca temos tempo para viver. Corremos tanto e dizemos que estamos ocupados a viver, mas efetivamente estamos ocupados a deixar o tempo passar.
Estamos presos no ciclo da sociedade em busca de um padrão idealizado sem alguma praticalidade.
No outro dia, reparei num cão, deitado à beira da estrada, a dormitar debaixo do sol e senti inveja. Quis deitar-me ao lado dele sentindo o sol a banhar-me a pele. O cão, que chamamos rafeiro, tem todo o tempo do mundo para aproveitar o que é realmente de valor. Na realidade, o melhor da vida não tem preço.
Tentem parar um pouco durante o dia. Apreciem o que de mais belo a natureza nos oferece. Sentem-se, ao entardecer, a apreciar o por-do-sol, ou deitem-se de papo para o ar como o meu amigo cão rafeiro.  A vida é só uma e nenhum dia se repete... Apreciem o que realmente não tem preço e sejam felizes!

Adelaide Miranda, 22/05/2018

Foto por Pedro Ferreira

Sem comentários:

Publicar um comentário